quarta-feira, 11 de novembro de 2015

REFLEXÃO DO DIA: OUÇA SEUS PAIS

Descrição: https://bay177.mail.live.com/ol/clear.gifDescrição: https://bay177.mail.live.com/ol/clear.gifDescrição: https://bay177.mail.live.com/ol/clear.gifDescrição: https://bay177.mail.live.com/ol/clear.gif

"Meu filho, escute o que o seu pai ensina e preste atenção no que a sua mãe diz". (Pv 1:8)
A mãe de Tomaz e Fátima havia proibido os filhos de tomar banho no rio que ficava ao fundo do sítio. Em uma tarde quente, eles disseram a ela que iriam até o pomar pegar frutas e, depois, caminhariam um pouco. Os dois irmãos mentiram, porque o real propósito deles era brincar no rio.
Após passarem pelo pomar, eles chegaram às águas refrescantes. Mesmo cansados, mergulharam e nadaram até a outra margem, desafiando a correnteza. Tomaz e Fátima subiram a margem e se jogaram na água, sendo levados por sua força até chegarem a uma curva estreita do rio.
Eles gostaram da brincadeira e repetiram o ato. No entanto, dessa vez, algo saiu do controle. O pé de Fátima enroscou em algumas raízes de árvores que ficavam à margem do rio. Ela lutou para escapar, mas a força da água a empurrava para frente e para baixo. A menina começou a entrar em pânico, batendo freneticamente os braços e puxando o pé que estava preso; porém, ela não conseguia se soltar. Tentou gritar, mas sua voz foi abafada pela água.
Tomaz olhou desesperado para a irmã. Nadou contra a correnteza e tentou puxá-la. Por um momento, ela colocou a cabeça para fora e respirou. Ambos se olharam com os rostos molhados de água e lágrimas. Fátima afundou novamen­te e tudo indicava que ela não voltaria. Tomaz mergulhou e encontrou a raiz que a prendia, soltando os pés da irmã. Por pouco - muito pouco - a menina não morreu por causa daquela brincadeira.
A desobediência causa situações como essa, ou ainda piores. Os filhos ficam sujeitos aos males do mundo quando decidem desobedecer e romper as bar­reiras de segurança apresentadas por seus pais. Isso acontece com aqueles que desobedecem a Deus para "se divertir" com o pecado. Jamais se esqueça de que não se brinca com o pecado! O diabo quer destruir quem decide se aventurar na correnteza de podridão que ele oferece.
Não desobedeça a seus pais ou a Deus. Confie nas orientações dadas por eles e tenha certeza de que a transgressão é sempre desastrosa e pode ser fatal.
Colaboração: Professor Joaquim/JP