sexta-feira, 4 de novembro de 2016

A ARMADURA DE DEUS


*A Armadura de Deus*


_"Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo."_( Efésios 6:11)

A vida espiritual tem sido comparada a um combate contra as forças das tre­vas. O apóstolo Paulo, grande guerreiro em favor do evangelho, aconselha: "Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo, pois a nossa luta não é contra pessoas, mas contra os poderes e autoridades, con­tra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais" (Ef 6:11, 12).

De acordo com Paulo, precisamos colocar "toda a armadura de Deus" para resistir aos esquemas do diabo. A palavra grega traduzida como "toda a armadura" foi aportuguesada como panóplia, que significa "armadura completa", "coleção de armas". Faziam parte dela o escudo, a espada, a lança, o capacete, a greva (proteção para a perna) e o peitoral. Em uma visita a um grande museu da Europa, pude ver e fotografar uma armadura (panóplia) que os soldados medievais europeus usavam. Realmente, tratava-se de uma proteção completa.

Note que a panóplia do cristão, que inclui todas as armas mencionadas nos versos 13 a 17, é fabricada por Deus, não por nós. Somente a armadura divina ofe­rece proteção total. Nas batalhas contra os guerreiros do mal, precisamos colocar a panóplia de Deus para proteger todas as partes do corpo, em especial a cabeça. É na mente que se dão as maiores batalhas. O inimigo deseja conquistar o território mental porque, assim, fica fácil dominar a pessoa toda. Nossa mente precisa estar bem firmada em Deus, segura da salvação em Cristo, para que sejamos vitoriosos.

Hoje, mais do que nunca, devemos usar a armadura de Deus. Paulo, que empre­gou essa metáfora por conhecer bem a armadura dos legionários romanos, faz uma aplicação figurativa do conceito ao modo de vida e menciona o fator tempo. Em Romanos 13:11 a 14, ele adverte que, devido à hora avançada, o cristão deve acor­dar do sono, abandonar as obras das trevas, vestir a "armadura da luz" e revestir-se de Jesus Cristo. Não dá para cochilar.

Em nosso tempo virtual, talvez alguns achem que a guerra contra os pode­res do mal não passe de ficção. Paulo estava certo de que o diabo e seus anjos são seres reais e combatem numa guerra real. Porém, para os que vivem com medo do mundo das trevas, o apóstolo assegura que a vitória mediante Jesus Cristo é certa.

Se você tem perdido algumas batalhas espirituais, chegou a hora de colocar a armadura  completa de Deus e ser um guerreiro valente. Deus pode proteger você.